Encontrar o emprego dos sonhos e conquistar o sucesso e a satisfação pessoal é um dos desejos mais comuns das pessoas. Esse é o cenário em que se encontra atualmente a personagem do nosso case de sucesso, Denise Silva.

Porém, nem sempre foi assim. Com cerca de 20 anos, a jovem trabalhava em uma loja como vendedora e sua experiência se restringia à venda de roupas e calçados. Grávida do seu primeiro filho e tendo problemas de saúde durante a gestação, ela precisou abrir mão do seu trabalho e foi então que tudo mudou. 

Parece uma história bastante comum, não é mesmo? Mas esse é, na verdade, o início da jornada vitoriosa da Denise como uma revendedora de produtos eróticos.

Quer conhecer o final dessa história e descobrir como a revenda de produtos eróticos pode mudar sua vida? Então, continue a leitura e conheça mais detalhes do case de sucesso da Denise!

Por que ser um revendedor de produtos eróticos?

O seu lucro depende da sua produtividade

Uma das grandes vantagens de trabalhar com a revenda de produtos eróticos é ter o lucro atrelado à sua produtividade. Afinal, sempre que você deseja aumentar o seu rendimento, basta se dedicar um pouco mais para ver o lucro se multiplicar.

Essa tem sido uma das maiores satisfações de Denise, além de ser algo que ela enxerga como um diferencial em relação a outras profissões do mercado. Em seus meses mais fracos, a revendedora chega a vender quase 4 mil reais. Já em seu melhor período, ela já obteve quase 9 mil!

É um mercado em ascensão

De acordo com dados da ABEME (Associação Brasileira das Empresas do Mercado Erótico e Sensual), entre os anos de 2015 e 2016, o mercado das empresas de produtos eróticos e sensuais apresentou um crescimento de 2,8% e o faturamento estimado foi de cerca de 1 bilhão de reais. 

Outro dado relevante mostra que o setor é responsável por gerar mais de 100 mil empregos no país, seja de forma direta ou indireta. Esses dados são apenas uma pequena amostra do sucesso de um mercado em expansão, que ganha cada vez mais popularidade entre os brasileiros.

Não é necessário um grande investimento inicial

O baixo investimento inicial é outra motivação para quem deseja entrar no ramo e ainda tem dúvidas sobre como começar. Isso porque a revenda de produtos eróticos não exige investimento para a abertura de um ponto comercial ou para montar um grande estoque de produtos.

No caso da Denise, esse primeiro investimento foi de 145 reais em um pedido com poucos materiais. Apesar do pequeno valor inicial, hoje ela conta com uma grande variedade de mercadorias para seus clientes e tem um cômodo em sua casa que é usado como loja.

Quais são os desafios de ser um revendedor?

Divulgação

Imagine viver em uma cidade pequena onde a venda de produtos eróticos é praticamente inexistente e a população tem certo receio em relação ao tema. Consegue se visualizar trabalhando nesse cenário? Pois saiba que foi exatamente nessa situação que a Denise iniciou sua jornada.

Ela foi pioneira em sua cidade a trabalhar com esse tipo de revenda. Hoje, além de atender toda a região, Denise também envia produtos para cidades vizinhas. Mas, para atingir esse sucesso, foi preciso um bom trabalho de divulgação nas redes sociais. Assim, a revendedora apostou em publicações no Facebook, Instagram e WhatsApp para vencer as barreiras entre ela e seus clientes.

Abordagem ao público

Construir um bom relacionamento com os clientes é um processo longo e delicado, mas que faz toda a diferença para o sucesso do negócio. No entanto, conseguir o êxito — ou não — nesse quesito muitas vezes está relacionado à forma de abordagem do profissional.

Nem sempre é possível abordar clientes diferentes da mesma forma. É necessário entender as preferências, necessidades e características de cada um para fornecer um atendimento personalizado. Assim, fica mais fácil estreitar os laços entre as partes e conquistar a confiança e a fidelidade da clientela.

Falta de conhecimento no ramo

Inicialmente, a falta de conhecimento sobre produtos eróticos foi um grande desafio para a Denise. Ela não tinha nenhuma experiência na área e se sentia perdida ao explicar o funcionamento dos acessórios. Para piorar, muitos dos seus clientes mal sabiam para que os produtos serviam e o resultado era um festival de perguntas.

Mas isso não foi um empecilho. Por meio de pesquisas pessoais e do suporte dado pela Distribuidora Sex Shop, a revendedora conseguiu se aprimorar e aprender tudo o que precisava para fornecer um atendimento claro e eficiente à clientela.

Como ser um revendedor de sucesso?

Aposte nos produtos que mais fazem sucesso

Para ser um revendedor de sucesso é preciso estar atento aos produtos mais procurados pelos consumidores e tê-los sempre à disposição. Foi exatamente isso que a Denise fez ao longo da sua trajetória de um ano como revendedora. 

Durante esse período, ela percebeu que os queridinhos dos seus clientes são a bolinha explosiva, a pomada japonesa, os produtos de higienização íntima e os anestésicos. Além disso, segundo a ABEME, os lubrificantes, o gel excitante, o gel retardador, o anel peniano e a lingerie sexy, estão entre os produtos eróticos mais consumidos em 2016.

Pense em conforto e sigilo

Quando se trabalha com o mercado erótico e sensual é fundamental ter uma coisa em mente: você vai precisar fornecer todo conforto e sigilo para os seus consumidores. Em sua experiência, Denise constatou que seus clientes se sentiam mais à vontade realizando pedidos pelo WhatsApp e recebendo seus produtos em casa.

Além disso, em seu local de trabalho não existe nenhuma indicação que informe a venda de produtos eróticos. Isso porque ela percebeu que sua clientela preferia um ambiente mais íntimo e sigiloso para realizar suas compras. Para ter sucesso com a revenda, você também deve avaliar esses pontos e fornecer aos seus fregueses o que considerar mais adequado.

Escolha uma distribuidora de confiança

O grande diferencial para o sucesso com a revenda é, sem dúvidas, contar com um parceiro de confiança e qualidade. Em seu trabalho, Denise sempre utilizou os produtos da Distribuidora Sex Shop e obteve ótimos resultados. 

A revendedora acredita que, além da excelente qualidade dos materiais, o preço é o melhor benefício encontrado, pois ele permite que ela tenha um lucro satisfatório. Outro ponto de destaque é o atendimento fornecido. Seja por meio do site ou pelo chat do WhatsApp, a DSS garante a satisfação de suas dúvidas e auxilia a profissional a concluir seus pedidos sempre que surge alguma dificuldade.

Nunca desista

Por fim, trazemos a dica final da Denise para quem quer se tornar um revendedor de sucesso: não desista! É comum as pessoas iniciarem seus trabalhos nessa área e desistirem logo no início, por não conseguirem enxergar benefícios imediatos.

Entretanto, como praticamente tudo na vida, a revenda de produtos eróticos exige persistência e determinação. Nem sempre será fácil encontrar clientes, a divulgação precisará ser constantemente reestruturada e a organização vai ser essencial. Mas, você deve enfrentar as dificuldades iniciais com segurança, para no futuro colher os resultados de um trabalho bem realizado.

Agora você já conhece a história da Denise Silva e sabe quais são os segredos de um revendedor de sucesso. Então, não perca tempo e comece agora mesmo a mudar a sua vida, assim como fez a personagem desse case de sucesso!

E aí, está interessado em iniciar sua carreira como revendedor de produtos eróticos? Entre em contato conosco. Será um prazer ajudar!

[uam_ad id=”736″]

Powered by Rock Convert