“Sexo a três”, “ménage à tróis”, “ménage”… Não importa como você o chama; o sexo envolvendo três pessoas pode surpreender suas expectativas

O Brasil é um dos países que mais pratica sexo a três segundo estudo realizado pelo aplicativo 3Somer – que viabiliza encontros entre entre pessoas interessadas em ménage. Nós ficamos atrás apenas dos Estados Unidos.

“Ménage à trois” pode ser traduzido literalmente do francês como “família a três”; porém, para quem nunca ouviu essa expressão, ela designa qualquer tipo de relação sexual envolvendo três pessoas – que podem ser de diferentes sexos ou do mesmo.

Sexo a três: muito diálogo, respeito e empatia

Porém, engana-se quem pensa que o sexo a três não tem nenhum critério. É necessário muito diálogo, escuta, respeito e empatia para que a relação funcione para todas as partes, afinal, são três seres humanos diferentes envolvidos na mesma prática.

Caso você já tenha um@ parceir@, leia nossas dicas antes de partir pra ação:

Seja respeitoso

Esse é o elemento primordial para que sua prática dê certo. Sexo a três envolve tanto a parte física quanto a emocional; as pessoas não precisam estar envolvidas afetivamente para entender que existem limites a serem respeitados. 

Além disso, questione-se se você está de fato preparado para praticar sexo a três ou se é apenas uma “vontade”. Muitas pessoas se deixam levar pelo imaginário coletivo e surpreendem-se quando chega a hora H.

Converse abertamente com seu parceiro

Se você tem curiosidade, vontade ou já pensou em fazer sexo a três, tenha um diálogo transparente com seu/sua parceir@.

É muito importante alinhar expectativas: questione se el@ já pensou sobre isso, se já fez ou já teve vontade e como se sente a respeito. Isso deve ser muito bem falado, pois pode ser que @ outr@ ainda não esteja pront@ para ver seu/sua parceir@ transando com outra pessoa. 

Se vocês estiverem de acordo, comecem fantasiando que tipo de posições fariam, como seria o envolvimento entre os três (se haveria ou não alguma limitação), se rolariam jogos eróticos e etc.. O importante aqui é usar a imaginação e acordar certinho tudo o que poderá ou não ser feito no ato.

Menáge não é a solução para os seus problemas matrimoniais

Muitos casais associam fantasias sexuais a uma forma de reciclar ou “ressuscitar” o casamento. No caso do menáge, a prática pode até surtir o efeito contrário e gerar ainda mais inseguranças.

Se um casal não está em sintonia no relacionamento, expô-lo e envolver um terceiro elemento pode prejudicar ainda mais e gerar uma crise maior de confiança e respeito. Além disso, um dos envolvidos pode até se sentir rejeitado.

Escolha com cuidado!

O casal precisa escolher alguém com quem ambos sintam desejo de transar – do contrário, o ato pode gerar ciúmes e desilusão. É comum que em casais heterossexuais o homem acabe elegendo uma mulher para o feito; no entanto, a namorada/esposa precisa estar de acordo para que ela não se sinta pouco à vontade.

Uma dica legal é escolher alguém com faixa etária similar. Pode acontecer de pessoas mais velhas ou mais novas terem uma incompatibilidade com os interesses ou expectativas da transa, o que deixaria a situação um pouco “estranha”.

Além disso, o casal precisa pensar se escolherá uma pessoa conhecida ou não. No caso de uma pessoa próxima do convívio do casal, é necessário entender como será o relacionamento pós-ménage. Assegurem-se de que não haverá “fofoca” ou uma clima tenso entre os três envolvidos.

Convidar ex-parceiros (namorad@s, espos@s) pode ser muito arriscado e colocar o atual relacionamento do casal em crise, então tenha cuidado dobrado!

Se vocês optarem por uma pessoa desconhecida, procurem saber ao máximo sobre ela. Sinta segurança para perguntar e dividir expectativas do ato – as mesmas regras estipuladas entre o casal terão que servir para ela também.

Já escolheu o local para o sexo a três?

Assim como é importante escolher com quem será feito, é imprescindível pensar sobre o lugar em que a fantasia acontecerá. 

Não existe uma regra para definir, porém, sugerimos que o casal pense em todos os pontos possíveis, como por exemplo: estão prontos para viver um momento desses em casa, em sua cama? Se sim, a pessoa convidada passará a noite ou irá embora logo após?

Se a intenção for mesmo experimentar algo diferente sem criar nenhum tipo de vínculo com o terceiro elemento, sugerimos que vocês tentem um local diferente – até mesmo fora da cidade.

Protejam-se ao máximo

Ponto básico de qualquer ato sexual: usem camisinha a todo momento. DST’s são facilmente evitadas com o uso de preservativo. Recomendamos que vocês levem mais do que o suficiente, assim podem trocá-los a cada mudança de posição ou mesmo caso haja risco de rompimento.

Preparem o ambiente

Pode ser que na hora do “vamos-ver” vocês fiquem sem saber como agir. É natural, especialmente para praticantes de primeira viagem. Caso isso aconteça, lembrem-se das regrinhas estipuladas e relaxem: o objetivo do sexo a três é proporcionar prazer aos envolvidos e realizar uma fantasia. Vocês não precisam seguir um roteiro.

Vale colocar uma música, usar brinquedinhos ou velas, reduzir a iluminação ou mesmo fazer jogos eróticos. 

Não deixe ninguém se sentir excluído

Preste atenção às coisas ao seu redor: se perceber que há alguém “de escanteio”, tente incluir essa pessoa no ato para que ela se sinta desejada.

Há quem opte também por ficar de voyer, mas se não for este o caso, equilibre sua atenção entre os envolvidos para que não haja desconfortos.

Após o término da relação, seja gentil com todas as pessoas: agradeça, pergunte se el@ se sente bem ou se precisa de alguma coisa. Não é porque vocês nunca mais @ verão que cuidados não são necessários.

Pintou ciúmes? Fale a respeito!

Ainda que vocês tenham um combinado, pode ser que em algum momento do ato a situação saia do controle ou aconteça algo inusitado. Se for este o caso, não se sinta obrigad@ a levar o sexo adiante: fale a respeito com seu/sua parceir@ e esclareça o ocorrido. 

Sexo gostoso envolve respeito acima de tudo e, se alguém não estiver feliz, certamente todos serão afetados.

Agora que você já sabe de tudo o que precisa, bora colocar sua fantasia em prática? 
Se quiser mais informações, confira um outro texto nosso sobre o assunto.