Segundo dados da Associação Brasileira de Empresas do Mercado Erótico (ABEME), o mercado erótico é uma das áreas que mais cresce no Brasil. A procura por produtos sensuais têm um crescimento constante, e a expectativa é de que essa tendência melhore ainda mais. Com base nisso, é importante que você, revendedor, conheça os melhores produtos de sex shop para revender.

Saber quais são os itens mais populares e que podem trazer mais lucro é uma excelente estratégia para garantir sucesso nas suas vendas. Pensando nisso, revelamos, neste artigo, quais são os melhores produtos para revender e como eles podem elevar o seu faturamento. Então continue a leitura para saber mais!

Por que os clientes compram produtos eróticos?

Uma pesquisa feita pelo Serviço de Proteção ao Crédito (SPC Brasil) sobre o consumo virtual mostrou que, em 2017, 81% dos consumidores do mercado erótico ficaram satisfeitos com a experiência de compra. Isso acontece porque, nos últimos anos, os homens têm demonstrado maior preocupação com o prazer de suas parceiras e o próprio desempenho na cama.

Com essas motivações, eles procuram produtos que os auxiliem nessas questões, como géis excitantes, pomadas que retardam a ejaculação, anel peniano e bebidas energéticas. Já as mulheres estão mais audaciosas e buscam formas de explorar mais a sexualidade.

Dentre os produtos de sex shop mais procurados por elas estão o excitante feminino, o lubrificante íntimo com aquecedor, o gel para sexo oral, além das lingeries sexy e dos vibradores.

Essa busca por produtos sensuais indica que as pessoas estão se abrindo para a possibilidade de explorar a sexualidade e sair da rotina. Além disso, outras razões também levam as pessoas a procurarem produtos de sex shop:

  • melhorar a autoestima;

  • apimentar a relação;

  • melhorar a saúde e o apetite sexual;

  • ter um sexo ainda mais prazeroso.

Como revender produtos eróticos?

Primeiramente, trabalhar com vendas exige técnicas de convencimento e comunicação. Entretanto, no mercado erótico, além de conhecer quais são os melhores produtos de sex shop, é preciso ir além das táticas convencionais.

Algumas pessoas ainda sentem constrangimento na hora de comprar esses itens. Sendo assim, o ideal é evitar termos chulos e apostar nos mais formais, como “pênis”, “vagina” etc.

Dessa forma, você mantém o tom profissional e evita que seus clientes mais tímidos se sintam desconfortáveis, além de impor limites aos mais “saidinhos”. Outra dica é se manter comunicativo e falar mais que o cliente.

Quem ainda está entrando nesse universo e não entende sobre produtos eróticos não sabe o que perguntar. Então, procure sempre explicar as características de cada produto.

Outra questão importante é conhecer bem o seu público. Clientes que não estão acostumados aos produtos de sex shop devem ser apresentados, primeiramente, aos itens mais básicos: lubrificantes, gel comestível para sexo oral, sabonete íntimo, velas de massagem, afrodisíacos e energéticos.

Os clientes intermediários tendem a apresentar interesse por vibradores básicos e cosméticos mais específicos, como os eletrizantes, excitantes anais e masturbadores. Já para os mais experientes é interessante apresentar as novidades do mercado, incluindo os vibradores ponta de linha e outros aparelhos mais potentes, fantasias etc.

Além do mais, cada público tem seus interesses e necessidades. Se o seu público é homossexual, seu estoque deve conter mais lubrificantes, duchas íntimas e brincadeiras voltadas para esses clientes.

Se a maioria dos clientes são as mulheres, é interessante ter gel para sexo oral, estimulantes e afrodisíacos. Já o público masculino costuma adquirir muitos masturbadores, géis retardantes e lubrificantes.

Quais são os melhores produtos para sex shop?

Até aqui, esclarecemos qual é a motivação dos seus clientes para comprar produtos de sex shop e como você pode melhorar suas táticas de vendas, certo? Mas, você conhece os itens mais lucrativos nos quais você deve investir?

Pensando nos melhores produtos para revender, separamos, a seguir, 7 opções que fazem sucesso com os clientes e que podem aumentar seu faturamento. Confira!

1. Lubrificantes

Esse é um dos melhores produtos para revender devido à extensa variedade. Eles podem ser básicos; à base de água para usar com vibrador ou de óleo para usar embaixo d’água; e até beijáveis para usar no sexo oral — morango, melancia, leite condensado e por aí vai.

Esse produto, além de lubrificar, traz combinações de prazeres maravilhosas, por isso são muito procurados.

2. Excitantes

Géis excitantes apimentam qualquer relação. Existem opções que esquentam ou que esfriam; outras com a sensação sucessiva de quente e frio; eletrizantes (que causam efeito pulsante no pênis), beijáveis para sexo oral, extraforte e anal. Enfim, são diversos tipos de excitantes voltados tanto para o público feminino quanto para o masculino.

3. Vibradores clássicos

Esse é um dos melhores produtos para sex shop e também um dos mais procurados, principalmente entre as mulheres, pois garantem muito prazer durante a masturbação.

Existem vários formatos e tipos de vibradores: anel peniano, bullet, vibrador rotativo, bullet com controle sem fio (ideal para brincar a dois), vibrador ponto G, entre outros. Os dildos e a prótese em formato de pênis de vidro e tamanho 17 cm também são muito procurados.

Vale mencionar que esse é um produto especialmente interessante para revenda, pois garante ao vendedor um lucro maior.

4. Estimulantes afrodisíacos e energéticos

Esse produto é muito interessante para quem quer mais ânimo na hora do sexo. Existem algumas misturas para colocar em bebidas, como os preparados especiais com catuaba, ginseng e marapuama. Eles são muito procurados pelos clientes, principalmente por mulheres que querem aumentar o apetite sexual.

Conhecido também como pó da bruxinha, esse item é um poderoso pó afrodisíaco que promete aumentar a libido. Vale muito a pena investir!

5. Lingeries sexy

É possível vender desde conjuntos com calcinha e sutiã até fantasias. É sempre interessante trabalhar com essas peças, sem contar na possibilidade de lucro que elas oferecem. O lucro de uma fantasia equivale, em média, ao lucro de cerca de cinco lubrificantes — embora isso varie, é claro, de acordo com a fantasia e o tipo de lubrificante.

6. Anéis penianos

Muito procurado pelos homens, o anel peniano serve para prender a circulação e prolongar a ereção. Ele pode ser encontrado na versão básica feita em silicone ou em modelos com vibradores — este, além de manter a ereção, ainda estimula o clitóris durante o ato sexual.

7. Bolinhas de óleo para banho

As bolinhas de óleo para banho não devem ser confundidas como as bolinhas sensuais, que são introduzidas no canal vaginal. Sua principal função é a hidratação corporal.

Com aromas sedutores, como morango e florais, essas bolinhas contêm um tipo de óleo que deixa a pele mais cheirosa e gostosa ao toque. Basta estourar na mão e passar pelo corpo ou, ainda, deixar que o óleo se misture à água da banheira, em um excitante banho a dois.

Como escolher os melhores produtos para sex shop?

Como vimos até aqui, o mercado erótico está em constante crescimento. Contudo, para acompanhar esses números, é necessário adotar uma boa estratégia — tanto para lidar com os clientes, quanto na hora de escolher os produtos de sex shop.

A seguir, confira algumas dicas para acertar nessa escolha:

Faça pesquisas de mercado

Procure informações relevantes em sites como o da Abeme e também em blogs que apresentem estatísticas sobre o comportamento do consumidor e dicas sobre produtos e revendas.

Além disso, feiras eróticas são ótimas fontes de inspiração para conhecer as principais novidades entre os produtos para sex shop. Nelas, você verá diversas marcas e terá acesso a vários itens diferentes — principalmente lançamentos.

Invista em nichos específicos

A procura por produtos de sex shop se popularizou entre os mais variados tipos de pessoas: casais heterossexuais, casais homossexuais, solteiros e até os mais tímidos, que antes tinham muito receio em buscar esses itens.

Assim, se você quer atender um nicho específico, se atente ao tipo de produto que você oferecerá. Os produtos são vários, mas nem todos são interessantes para todos os grupos. Não é viável oferecer a mulheres produtos que são mais procurados pelo grupo masculino, por exemplo.

Então, fique atento e sempre se informe sobre os nichos com os quais você trabalha.

Escolha bons fornecedores

Na internet, é possível encontrar diversas opções de fornecedores. Sendo assim, reflita sobre as condições de pareceria de cada um deles. Aspecto que devem ser observados, por exemplo, incluem preço, prazo de entrega, frete e variedade de produtos.

Além do mais, procure parceiros que ofereçam auxílio aos vendedores — aulas de vendas, material de apoio, além de dicas de profissionalismo e abordagem.

Diferencie-se da concorrência

A inovação é o que define o mercado! Então, não ofereça apenas o básico: explore novos produtos e tenha sempre novidades para oferecer. Uma boa dica é investir em catálogos. Com eles, você pode oferecer uma variedade de produtos sem precisar carregá-los por aí — embora seja interessante ter alguns exemplares dos mais vendidos, pois ver os produtos poder dar ânimo para adquiri-los.

Outra dica é apostar na criatividade e bom humor — um bom atendimento é o que diferencia um excelente profissional.

Fique atento a datas específicas

Se atente a datas em que aumenta a procura por produtos de sex shop, como, por exemplo, dia do beijo (13 de abril), dia do sexo (6 se setembro), carnaval e dia dos namorados (12 de junho).

Sabendo exatamente qual é o seu nicho, a venda fica ainda mais certeira. No dia dos namorados, faça kits românticos, específicos para os casais; no dia do sexo, faça kits mais apimentados; busque sempre ter esses diferenciais para poder aumentar as vendas durante esses períodos.

Por que revendedores devem testar os produtos de sex shop?

É interessante que os revendedores testem seus itens antes de vendê-los. Assim, torna-se possível conhecer melhor os produtos do sex shop e as experiências podem ser compartilhadas com os clientes, criando um relacionamento de confiança.

É claro que não é preciso testar cada um dos produtos. Não há necessidade, por exemplo, de testar um aparelho de choque. No entanto, como esse é um produto que pode causar certas preocupações sobre o uso seguro, busque entender como ele funciona e pesquise sobre suas funcionalidades.

Não importa se você está iniciando no mercado sensual ou se já é um empreendedor experiente, apostar nos melhores produtos para sex shop pode mudar completamente o seu faturamento. Então, a partir de agora, organize seu catálogo e arrase nas vendas!

Gostou de conhecer os melhores produtos para revender? Tem alguma dica de produto? Então deixe um comentário neste post e compartilhe quais produtos eróticos você mais vende!

Powered by Rock Convert