Há poucas coisas piores que a dor do amor, principalmente quando ela reflete o término de um relacionamento. Afinal, entramos em uma relação amorosa porque queremos construir uma história, amar e ser amados, mas as coisas nem sempre acontecem como planejamos. Por isso, é importante entender como superar uma separação.

A verdade é que ninguém está pronto para superar um relacionamento da noite para o dia, a dor é sempre avassaladora e pode persistir mais do que o previsto. Contudo, quando não há alternativas, o jeito é aprender a lidar de frente com o impacto da perda amorosa, mesmo que isso traga muita tristeza.

Neste post, trouxemos dicas que vão ajudar quem está passando por uma separação. A angústia de um término parece interminável, mas ela passa, e a pessoa precisa enfrentar essa jornada. Confira.

Reconheça as fases da separação

Do término de um relacionamento à cura dessa experiência, é normal que as pessoas passem por fases marcadas por diferentes estados emocionais. As fases se assemelham bastante à superação da morte de um ente querido, pois nos dois casos é comum ter uma sensação de luto, perda de uma referência no mundo.

Reconhecer que está passando pelas fases da separação é talvez o jeito mais eficaz de conseguir digerir esse momento de uma vez por todas. Abaixo, veja como funcionam essas etapas na maioria dos casos:

negação

quando o fim parece oficial, ocorre a negação do sofrimento. Em geral, é comum que as pessoas tentem parecer que estão bem a princípio, quando, na verdade, estão desesperadas para salvar o relacionamento. É uma fase comum logo após o término;

dor e luto

a segunda fase é um momento de catarse, quando todas as coisas ruins na relação parecem esquecidas e são lembrados apenas os bons momentos. É comum tentar revirar o passado, sentir culpa pelo fim do relacionamento e uma sensação profunda de abandono;

raiva

eventualmente as lágrimas começam a dar espaço para a raiva. É comum sentir culpa por alguma coisa que disse ou deixou de fazer, além de ter uma raiva direcionada ao outro lado do relacionamento partido. De todo modo, é importante ter cuidado, já que a ira não é a melhor saída;

tristeza

após encarar a dor e o luto, muitas pessoas pensam que a melancolia nunca mais voltará, quando, na realidade, a tristeza pode vir com mais força, como se não fosse possível ser feliz novamente. É uma fase muito marcada pela saudade;

aceitação

ao vencer tantos conflitos emocionais, é comum que o tempo ajude a superar muitas dores e a pessoa encontre uma aceitação do que aconteceu. É uma etapa marcada por um olhar realmente mais maduro diante da separação, que demonstra uma sincera disposição para aprender a lidar com a saudade e viver novas experiências.

As sensações da separação podem mudar bastante de ordem em muitos casos ou se apresentar de maneira ambivalente, mas, no geral, há uma predominância de cada fase. A sequência que vimos acima é a “ordem natural das coisas”, quando há um esforço por parte de um lado de prosseguir. Reconhecer essa jornada e procurar se identificar em meio a essas etapas pode ajudar a superar uma separação.

Tenha com quem conversar

Outra dica de como superar uma separação é buscar pessoas de confiança para ter algum conforto emocional e lidar com a situação da perda. Expressar os sentimentos e dizer como se sente, mesmo que apareçam sentimentos ambivalentes, como raiva e saudade, é a maneira mais saudável de dar um contorno para tudo que aconteceu.

É importante buscar pessoas que saibam ouvir mais do que falar, pois conselhos ruins nesse momento podem resultar em ações equivocadas. Pense, por exemplo, se alguém aconselha encontrar o ex para culpá-lo da separação (o que só trará uma situação desagradável). Pessoas de confiança do seu círculo social e ajuda terapêutica são ótimas alternativas.

Não siga os passos da outra pessoa

Um erro comum de quem precisa lidar com a dor da perda de um relacionamento é continuar investigando os passos da outra pessoa, principalmente nas redes sociais, para saber se ela também está sofrendo com a dor do término.

É uma ação que pode causar frustração e mais sofrimento. As pessoas não são tudo que postam na internet, muitas decidem superar suas dores particularmente. Então, não caia na tentação de visualizar o perfil da outra pessoa ou mandar uma mensagem com a intenção de reatar o relacionamento.

Mude a rotina e foque no trabalho

Após a separação, pode ser muito difícil manter o foco no trabalho, acolher suas dores e angústias. Mas, com o mínimo de esforço é, sim, possível focar no desempenho das responsabilidades diárias, sem comprometer os resultados do seu trabalho. A recomendação é fazer com que o foco seja cada vez mais voltado para novos objetivos e para o crescimento profissional.

Sair do convencional ou começar uma nova atividade de rotina pode ser muito saudável e ajudar a desviar o foco para os cuidados com a autoestima. Se você está passando pela dor da separação, procure atividades que fortaleçam o seu ego para substituir os momentos em que ficava com a outra pessoa, como exercícios físicos e hobbies.

Aprenda a se divertir sozinho

É normal que a construção de um relacionamento seja marcada por diversas maneiras de se divertir com o outro. Isso vai aos poucos se transformando em costume, de modo que muitos casais, hoje em dia, sentem dificuldade de se divertirem quando estão sozinhos ou até culpados por isso. Na separação, a falta de opções pode criar um enorme vazio.

A vida sexual ativa é uma das principais áreas impactadas no fim de um relacionamento. Nesse aspecto, a boa notícia é que existem inúmeras maneiras de manter o desejo sexual em alta após a separação e chegar ao orgasmo. Uma delas são os brinquedos eróticos, inclusive também para homens. Na Distribuidora Sex Shop (DSS), por exemplo, você encontra uma variedade de opções de acordo com a sua vontade.

Essas são as nossas dicas de como superar uma separação. Elas vão ajudar quem enfrenta um término a não se perder na mistura de sentimentos, reconhecer a fase pela qual está passando e amenizar ao máximo a dor dessa experiência. Vale lembrar que pode ajudar muito buscar formas de se divertir individualmente, inclusive em relação ao sexo.

Ainda não conhecia a maior distribuidora de produtos eróticos do Brasil? Então, veja os melhores acessórios para se divertir sexualmente ou quem sabe conquistar uma renda extra nesse mercado: acesse o site da DSS e entre em contato conosco.

Sobre o Autor

Waleviska é empreendedora e proprietária da empresa DSS Distribuidora Sex Shop. Além disso, acredita que quanto mais se fala sobre sexo, mais tabus e dúvidas vão sendo desconstruídos. Pretende ter uma ligação direta com todas as leitoras que queiram entender mais sobre o mundo do prazer.

Visualizar Artigos